precificar produtos e calcular a margem de lucro

Como precificar seus produtos e calcular a margem de lucro?

A precificação de um produto ou serviço, é um dos maiores desafios das empresas, e uma prática muito comum no mercado que determina se um negócio será ou não competitivo. Porém, os desafios vão além do que apenas precificar e sim, considerar todas as margens envolvidas, principalmente a de lucros. Neste artigo, vamos te mostrar como fazer isso com propriedade e sair à frente da concorrência. Confira!

Assim, falaremos mais sobre:

  • O que é precificação?
  • Como precificar um produto?
  • O que é margem de lucro e como calcular?

O Que É Precificação?

Precificação significa estabelecer um valor para um produto ou serviço que você deseja vender. Parece simples, mas existem muitos fatores que devem ser considerados. Um deles é saber qual é o preço justo que o consumidor final terá que tirar do seu bolso para investir e que, ao mesmo tempo, seja competitivo e um custo que no ponto de vista dos concorrentes, seja difícil superar.  

Para chegar no valor ideal, você deve apostar em um planejamento e estratégias bem elaboradas. Além disso, independentemente do segmento da sua organização, é importante considerar os investimentos que você mesmo faz com fornecedores, para manter o seu negócio em pé. Ao contrário disso, você pode sair perdendo e não terá uma saúde financeira que é extremamente importante para evitar crises.

Como precificar um produto?

Levando em consideração os fatores que comentei no parágrafo acima, então, tá na hora de saber como fazer isso sem prejudicar o seu negócio. Veja algumas dicas que separamos para você:

  1. Faça o cálculo de custos variáveis: 

    Todas as empresas passam por custos fixos e variáveis, e todos esses componentes devem estar no planejamento e execução na hora de precificar o seu produto ou serviço. Por esse motivo, reavalie com frequência os custos de fornecedores e/ou produtos que sua empresa tem. Isso faz muita diferença e com certeza, vai evitar que você perca dinheiro.

  2. Observe o mercado: 

    Lembra que falei ali em cima, sobre ter um preço competitivo que nenhuma concorrência possa cobrir? Isso faz parte do benchmarking, você precisa estar atento às movimentações dos seus concorrentes e principalmente dos preços que eles estão oferecendo. Só assim, você poderá manter seu custo atraente.

  3. Considere o ciclo de vida do seu produto ou serviço:

    Outra dica relevante e não menos importante é a validade dos produtos ou dos serviços que estão sendo ofertados. Para você entender melhor, as mercadorias no geral possuem uma vida baseada em 4 etapas que é: lançamento, procura, maturidade e decadência. 
    No geral, isso quer dizer que cada produto passa por uma fase diferente de maturidade e chega a um ponto, no qual, ela precisa sair do mercado sem que seu negócio sofra consequências. 
    Para isso, é importante você estudar de forma contínua a necessidade do consumidor, adotar melhores estratégias para escalar as vendas, educar o mercado, trabalhar com marketing e publicidade e decidir sempre a melhor forma de divulgar o seu negócio. 
    E não para por aí, quanto mais você tiver consistência na divulgação e precificação do seu produto ou serviço, por meio de análises, sua empresa terá maiores chances de vender mais.

O que é margem de lucro e como calcular?

Não há como falar de precificação, sem falar da margem de lucro, essa é uma das peças fundamentais de um pequeno, médio ou um empreendedor que já tem uma experiência consolidada no mercado. 

A margem de lucro, de forma resumida, é a porcentagem de lucro que sobrou para a empresa, após todos os custos que teve com fornecedores ou até mesmo para levar até o destino do comprador. 

No entanto, o cálculo da margem de lucro é simples, existem algumas etapas que você pode seguir e assegurar que as finanças da sua empresa estejam sob controle:

  • Determinar o lucro bruto
  • Dividir o lucro bruto pela receita:
  • Multiplicar o resultado por 100

E pronto, você chegará no resultado da margem de lucro bruto. Porém, você também pode saber qual será a sua margem de lucro líquida, o benefício deste cálculo é ter uma visão melhor sobre seus ganhos e despesas totais, para que você consiga estipular a lucratividade do seu negócio. 

Para determiná-la, é necessário tirar todos os valores que são descontados com impostos, tributações e encargos, aluguel, telefone, luz, água, internet entre outros custos que são fixos e variáveis. E então você poderá ir para o cálculo:

  • Determinar o lucro líquido
  • Divida o lucro líquido pela receita 
  • Multiplique o resultado por 100.

Conclusão

Os cálculos que você aprendeu neste conteúdo vai te ajudar a definir estratégias cada vez mais direcionadas para venda do seu produto ou serviço e para potencializar o relacionamento com o seu cliente, garantindo que ele compre e seja fidelizado.

Além disso, a estratégia de precificação e lucro, é ideal para melhores tomadas de decisões. Gostou? Então comente aqui em baixo o que achou das nossas dicas e nos ajude a melhorar.

John Doe

John Doe

Lorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolorLorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolorLorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolor


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *