Pessoa comprando no e-commerce

E-commerce: 6 etapas para estruturar o seu negócio digital

Nos últimos anos, o modelo do comércio digital, também denominado como e-commerce, tem crescido bastante, fato que tornou viável o desenvolvimento de diversos negócios, em virtude dos menores custos e das novas oportunidades de negócios, em comparação ao comércio físico.

Além disso, o empreendedorismo digital possui um leque de possibilidades muito grande, visto que não há um padrão, nem um ramo predefinido para montar esse tipo de negócio – por se tratar de um modelo de negócio muito mutável.

O mercado digital é uma boa saída para o empreendedor, que tem uma ideia inovadora e/ou não tem tanto dinheiro, pois entre os benefícios estão o horário flexível e o baixo investimento inicial. Entretanto, é crucial que exista uma boa estruturação e planejamento do negócio.

Com isso em vista, reunimos alguns dados que ajudarão você a planejar e estruturar bem o seu negócio digital. Quer saber mais? Continue lendo esse texto.

O que fazer para planejar e estruturar bem o seu negócio digital?

Para explicar melhor o que deve ser feito para que o e-commerce seja lançado ao mercado de forma estruturada e bem planejada, reunimos 6 etapas essenciais para montar o negócio digital:

#01. Defina o seu nicho de mercado

Inicialmente, é fundamental que o empreendedor defina o seu nicho de mercado.

Para tal, é importante analisar informações que abranjam desde sua expertise em algum ramo, até se há uma clientela disposta a comprar o produto, visto que não adianta possuir um produto de muita qualidade, sem que haja um público para comprá-lo.

#02: Faça uma pesquisa de tendência com os potenciais clientes do negócio

A realização de uma pesquisa de mercado é essencial para a obtenção de informações, por meio da consulta ao público-alvo definido para o negócio, que venham a dar um maior suporte à tomada de decisões eficientes.

Também, é importante a realização do benchmarking, que consiste na busca por melhores processos, até mesmo com possíveis concorrentes, para que o empreendedor possa definir um rumo melhor traçado, e, para que dessa forma, também se torne possível a criação de planos estratégicos com maior grau de assertividade, pois ao aprender com os erros e acertos dos outros empresários, as possíveis ações que o indivíduo possa vir a tomar tornam-se mais claras.

#03. Produza protótipos de seu produto, para a realização de testes

Outro ponto muito importante é a criação e análise dos MVP’s (Minimal Viable Product – Mínimo Produto Viável, do inglês), ou seja, protótipos nos quais se utilizam o mínimo de recursos possíveis para elaborar o produto. Com isso, gera-se material para estudo, sem que saia muito caro para o empreendedor realizar uma possível pivotagem (mudança total de ramo).

Logo, os modelos de MVP’s são importantíssimos para a criação de qualquer tipo de negócio, especialmente em empreendimentos de rápidas mudanças, visto a necessidade da realização de vários testes – sendo preferível que os gastos com estes sejam menores.

#04. Faça o planejamento financeiro de seu negócio

Também é bastante importante que o indivíduo tenha um planejamento financeiro, visto que mesmo com a redução dos custos provenientes dos testes em modelo MVP, e da não necessidade de se possuir uma loja física, o retorno do investimento no negócio pode ser um pouco demorado.

Inclusive, empecilhos inesperados e custos extras para a manutenção do negócio podem vir a aparecer, e caso não se tenha essa margem, o empreendedor pode vir a sofrer um revés muito grande.

Se você quiser entender sobre como realizar a estruturação financeira de seu negócio, confira nosso artigo sobre Estruturação Financeira, em nosso blog.

#05. Invista em tráfego orgânico e tráfego pago

A importância das redes sociais, como Instagram e Facebook, também deve ser ressaltada, afinal, é essencial que a marca possua uma maior presença na internet, dado que, por vezes, boa parte dos clientes do empreendimento é prospectada de forma passiva, por meio das redes sociais do empreendimento.

Uma rede social com um alcance alto e direcionado é importante para qualquer ramo que trate de vendas, pois as redes sociais, nos últimos tempos, se tornaram veículos de prospecção.

O tráfego orgânico trata-se do tráfego natural, em que o indivíduo chega até o site pesquisando por ele ou pelo assunto, sem que seja necessária a realização de transações monetárias para que o indivíduo seja direcionado a uma recomendação de conteúdo. Trata-se de um uma forma simples de tráfego, sem nenhum tipo de filtro e com um alcance um pouco menor.

Já o tráfego pago é utilizado para que o empreendedor possa ter uma melhor filtragem de público para o qual seu conteúdo será enviado. Desta forma, o público-alvo definido para o destino do produto terá uma maior chance de receber os conteúdos e as publicações produzidas. Com isso, a prospecção de novos clientes de forma virtual é facilitada, graças ao fato de que o indivíduo que virá a receber o conteúdo estará mais propenso a consumi-lo, pois o produto está direcionado aos seus hábitos e interesses.

 

TRAFEGO

#06. Busque sempre estar atualizado e a par das inovações do mercado

Para o desenvolvimento de um empreendimento digital, com uma maior perspectiva de sucesso, é crucial a busca constante por conhecimento, dada a mutabilidade do estilo de negócio em questão, e o surgimento constante de inovações e novos modelos de negócio.  

Os empresários desatualizados, acomodados em sua rotina empreendedora, acabam ficando para trás e, porventura, podem vir ir a entrar em falência, devido à volatilidade do mercado.

Conclusão

Em suma, a estruturação de um e-commerce é muito importante, pois dessa forma as decisões tomadas pelo empreendedor serão mais assertivas, além dele possuir uma maior margem de segurança, dado que todo seu processo está estruturado, desde o nicho de negócio no qual ele decidiu investir, até a forma e os métodos que ele utilizará para realizar a prospecção de seus clientes.

Também se pode observar a importância do planejamento, visto que de nada adianta uma ideia inovadora se ela não for bem estruturada e bem planejada, com menores chances de sucesso.

E COMMERCE

John Doe

John Doe

Lorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolorLorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolorLorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolor


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *